Au revoir Remí


Tem gente que não entende, mas eu sinto demais a morte. Seja de uma planta, seja de um animal e só de pensar na morte de alguém eu já começo a chorar. Não é exagero, é a verdade. Há mais ou menos um mês, jogaram uma cadelinha aqui em casa, eu cudei dela com todo o meu amor por uma semana, mas ela estava muito doente e mesmo com os cuidados morreu. Eu chorrei demais, senti demais por dias por um ser que só conhecia há uma semana. Acho que vocês podem entender hoje a minha tristeza por perder o meu Remí.
Eu ganhei o Remí no meu aniversário de 15 anos, de uma amiga, e desde então foram 1 ano 7 meses e 3 dias com ele. Nos divertimos, levei mordidas, limpei e cuidei dele com muito amor. Ele se foi hoje, e mesmo sabendo que para um hamster da raça dele já estava na hora de partir, sempre há aquele sentimento de: "eu poderia ter aproveitado mais tempo com ele".
Mas tudo na vida é assim, é um ciclo que se inicia e outro que termina. Por isso é importante aproveitarmos cada segundo como o último, casa pessoa com sua essência, cada momento com sua beleza. Porque afinal, não existe esse tal de amanhã.

Adeus meu Remizinho,

 

8 comentários:

Jess Q. disse...

:(

Paula disse...

Ai Jackie, nem me fala. :(

Eu sinto muito pela sua perda! e sou BEM assim como vc..
Eu era apaixonada em hamsters, mas dps de sofrer tanto por eles "irem embora" rapido, eu parei de comprar.
Agora to com o au-au, que pra mim nao vai morrer nunca -__- e um betta. Ja tem 1 ano e 1 mes que a gente tem o betta; sei que eles nao duram nada tb e como se diz, eh so um peixe! mas eu tenho mto amor por ele tb.. e ja fico pensando na vida qdo ele "se for".

Mas enfim, bom da gente ser assim! uma dor ruim, mas daqui um tempo, ela diminui e vai sendo esquecida ;]

Beijos.

Srta Beijo disse...

Hello gatíssima!
Depois de muito tempo sem blogar, estou de volta pra ficar. Seu blog está lindíssimo, eu pensei que já o seguia, mas agora com ctz estou seguindo ;D
Amiga, sinto pela sua perda. A morte é algo que realmente não aceitamos, porque nos separa de alguém que gostamos, sejam pessoas, animais, plantas até mesmo insetos (eu cuidava de abelhinhas que pareciam estar morrendo quando eu era criança) infelizmente faz parte da vida, mas como você disse, o certo é aproveitarmos a vida com aqueles que amamos. Com ctz vc vai sentir saudade do pequeno Remi, mas vc pode sempre lembrar dos bons e alegres momentos que teve a oportunidade de viver com seu bichinho!

Super Power Kisses ;*
@srtabeijo
www.senhoritabeijo.blogspot.com

Kakau4ever disse...

Tbm sou assim...e nem gosto de pensar!
é uma dor que só a gnt entende.
bjoks

Cih_colorex disse...

Ai que bad! Nem sei o que te dizer! =/
Que venham outros pets para alegrar seus dias e que eles possam, não substituir mas sim, fazer você sempre se lembrar somente dos bons momentos.
Kiss

Garota Ambulante disse...

awnnnnnn que triste :( Sinto muito pela sua perda.

Keila disse...

Oiii
Ah eu também sou super apegada a animais, nunca perdi nenhum bichinho mas imagino como deve ser , a gente acaba se apegando tanto que eles viram parte da familia né!! Mas é assim mesmo, força ai e que venham outros bichinhos para alegrar sua casa.

Moema. disse...

Imagino o quanto sofreu com a partida do Remi. Tenho um casal de porquinhos-da-índia há 2 anos e meio e imagino quando terei que dizer adeus (não gosto nem de pensar). No entanto, eles não foram os meus primeiros porquinhos, tive um filhote
que logo nomeei de Pierre e fora um presente da minha mãe pelo meu niver de 18 anos. Com apenas sete dias na minha casa Pierre veio a óbito, fiquei desesperada, chorei até ficar sem ar (pensei que ia explodir de tanta tristeza). Ai minha querida mãe vendo meu sofrimento trouxe Genaro e, com o tempo fui digerindo tudo que tinha acontecido afinal de contas tinha tomado tanto cuidado com Pierre... E, porque ele morreu?? Até hoje especulo a causa de sua morte.
Sei o tamanho da sua dor porque já senti um bom pedaço. A melhor lição que tiro de tudo isso é a importância do desapego, porque existem circustâncias na vida a morte e o tempo ,por exemplo que não podemos ignorar.

Postar um comentário

Diga o que você achou. :D